Olá {{nome}}
Logout
Ao vivo:
Próximo

PM precisa conter confusão entre moradores e militantes pró-Lula

Autor: Redação RIC Mais
Para mostrar o descontentamento com o protesto que completou dois meses, moradores do bairro colocaram fogo em madeiras e borrachas (Foto: CHRISTOPHER SPULDARO/RICTV Curitiba)

A noite desta quarta-feira (13) foi de muita confusão entre moradores do bairro Santa Cândida, em Curitiba, e integrantes do acampamento ‘Lula Livre’. As barracas estão montadas nas ruas próximas da sede da Polícia Federal (PF), onde o ex-presidente está preso, e um dos moradores gravou o início da briga, confira:

 

Duas horas depois a desavença continuava. Cansados do protesto que completou dois meses, moradores colocaram fogo em madeiras e em borrachas para mostrar o descontentamento. A Polícia Militar (PM) que estava no local acompanhando toda a movimentação, chamou o Corpo de Bombeiros para apagar as chamas.

Leia também: Trabalhador perfura cano de gás e se fere com explosão em Maringá

Com a presença dos policiais, não houve agressão física, mas a noite foi marcada com muito bate-boca. De um lado, moradores revoltados com o barulho. De outro, manifestantes pró-Lula pedindo a liberdade do ex-presidente. Para a equipe de reportagem da RICTV | Record Curitiba, os moradores afirmaram que viver na região ficou complicado depois da chegada dos manifestantes. Já os militantes, questionaram a atitude dos moradores, já que todos cumprem as determinações da Prefeitura de Curitiba e do Governo do Paraná. A confusão só acabou no final da madrugada e de acordo com a PM, não houve registro de feridos.

Assista à reportagem:

*Com informações do repórter Marcelo borges, da RICTV Curitiba

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 0,0

Política de
comentários

comentários

Carregando