Olá
Logout

Mulher ataca adolescente após marido dar em cima da garota; veja fotos

Autor: Redação RIC Mais
Marlenea (esquerda) atacou a adolescente de 12 anos após marido dar em cima da garota (Foto: Reprodução)

Uma mulher de 28 anos atacou violentamente uma garota de 12 que estava comendo um salgadinho num estacionamento da loja de conveniência Quick Stop, em Wilkes-Barre, estado da Pensilvânia, nos EUA.

A menina atacada se chama Presley Keeney e estava esperando pelo pai dela, que fazia compras. Enquanto aguardava, Marlenea, a agressora, e o marido passaram por ela. Ele vê a garota, disfarça e começa a rir, mas segue caminhando com a mulher.

O marido volta para falar com a menina. Com segundas intenções, ele pede "um pedaço dela". A jovem parece não entender e, inocentemente, oferece algo que estava dentro da sacola, provavelmente um salgadinho.

Então a mulher surge enfurecida, empurra o marido, que sai correndo, e em seguida ataca a adolescente. Empurra a menina de apenas 12 anos, segura o cabelo, bate no rosto, no ombro e, quando a menina cai no chão, Marlenea continua xingando e ofendendo.

Ela ameaçou chutar a menina, mas decide ir embora e sai andando tranquilamente. Segundos depois, o pai da menina é visto pela câmera de segurança. Ele socorre a filha e tenta ampará-la com um braço.

Ele sai em busca da agressora, mas não a encontra. Leva a filha para dentro da loja de conveniência para chamar a segurança do local, volta mais uma vez para o lado de fora, e nada. Pela câmera ela é vista do outro lado do estacionamento discutindo com o marido, sem ligar para a agressão cometida.

Após a agressão, a mãe de Presley, Chere Fuller, foi à polícia denunciar a mulher que atacou sua filha. Chere quer que a mulher seja presa e responda pelo ataque violento.

Marlenea continua foragida, e se presa deve responder por agressão. 

Veja mais
Mulher mata marido após discussão por causa do Facebook

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 0,0

Política de
comentários

comentários

Leia também:

Caos no Paraná

Preso em flagrante

Exclusiva

Carregando