Olá
Logout

Familiares acreditam que corpo encontrado carbonizado é de cabo da PM

Autor: Redação RIC Mais
Ele foi morto com três facadas, mas como não havia respingos de sangue dentro do veículo e fora, a Polícia acredita que a morte tenha sido realizada em outro local (Foto: Reprodução/Facebook)

O corpo de um homem carbonizado foi encontrado dentro de um carro neste sábado (6), em Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba. O Corpo de Bombeiros (CB) havia sido chamado para atender um veículo modelo que estava em chamas na PR-423.

As placas do carro Renault Megane apontam para um cabo da Polícia Militar (PM), Paulo Marcos Chaniuk, que está desaparecido desde a noite de sexta-feira (5). Ele e a namorada, que está grávida, voltaram do Litoral e almoçaram juntos. A última mensagem recebida pela companheira foi por volta das 20h40, quando Chaniuk avisou que estaria indo jogar bocha com alguns amigos perto do Campo do Meia, na RMC. 

O combinado era o cabo encontrar a namorada na manhã de sábado, já que uma ecografia estava marcada para às 10h40, mas ele não apareceu. Amigos e familiares prestam homenagens pelas redes sociais, mas o Instituto Médico Legal (IML) ainda não confirmou se o corpo carbonizado é do PM. Ele foi morto com três facadas, mas como não havia respingos de sangue dentro do veículo e fora, a Polícia acredita que a morte tenha sido realizada em outro local e apenas o incêndio teria sido provocado ao redor da rodovia. 

Para os familiares não restam dúvidas de que o corpo encontrado seja de Chaniuk, já que o cabo saia bastante para ir em bares e a preocupação era constante da mãe, irmã e namorada. A delegacia de Campo Largo aguarda perícia do IML para confirmar a suspeita, mas já existem suspeitos para o crime. 

Leia também:

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 0,0

Política de
comentários

comentários

Leia também:

OPERAÇÃO

Pressão

Pressão

Carregando