Olá
Logout
Ao vivo:
Próximo

Central de Flagrantes abriga 140 presos em local para oito

Autor: Redação RIC Mais
O atendimento ao público, para o registro de boletins de ocorrência, foi fechado; uma viatura do Depen fechou acesso ao prédio e carros da PM ficaram do lado de fora (Foto: Paulo Fischer/RICTV Curitiba)

*Com informações do repórter Marcelo Borges, da RICTV Curitiba

Uma denúncia de arrebatamento de presos, quando bandidos fortemente armados invadem um local para resgatar detentos, mobilizou policiais civis da Central de Flagrantes, no centro de Curitiba, na madrugada desta sexta-feira (18). No início do mês foi divulgado que a carceragem não receberia mais presos, mas atualmente 140 pessoas ocupam um espaço que deveria abrigar apenas oito.

Leia também: Jovem é morto com quatro tiros em tentativa de latrocínio

Uma denúncia anônima resultou em medidas adotadas pela equipe policial para garantir a segurança dos presos. O atendimento ao público, para o registro de boletins de ocorrência, foi fechado. Uma viatura do Departamento Penitenciário do Estado do Paraná (Depen) fechou acesso ao prédio e carros da Polícia Militar (PM) ficaram do lado de fora.

Com a superlotação, os presos ficam em um local restrito a duas celas. Em um dos locais utilizados, uma sala, os detentos são deixados algemados por causa da facilidade de uma possível fuga. De acordo com testemunhas, mais de 10 detentos são encaminhados todos os dias para o distrito.

Leia também: Jovem é executada dentro de cova

A equipe de reportagem da RICTV|Record tentou conversar com alguns policiais, mas eles não foram autorizados a gravar entrevistas ou repassar informações sobre a superlotação na carceragem. A equipe teve acesso a fotos exclusivas da delegacia, confira: 

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 0,0

Política de
comentários

comentários

Leia também:

Curitiba

CURITIBA

SANTA CATARINA

Carregando