Curitiba

Polícia divulga imagens de homem que matou cliente em pizzaria

Geovane de Lima Freitas, 37 anos, enquanto tomava cerveja com um amigo

Geovane foi morto na frente do amigo e de outros clientes da pizzaria (Foto: Imagens de Segurança)

A Polícia Civil divulgou imagens do homem suspeito de matar Geovane de Lima Freitas, 37 anos, enquanto tomava cerveja com um amigo quando um homem armado invadiu a pizzaria e atirou em sua direção.

O crime aconteceu na noite desta segunda-feira (8), por volta das 23h30, na Estrada do Cerne, quilômetro 19, no centro do município de Campo Magro, Região Metropolitana de Curitiba.

As imagens de segurança do local flagraram toda ação do assassino. A polícia suspeita de um crime passional.  

Informações podem ser repassadas à delegacia: (41) 3657-1220 

Relembre o caso assistindo ao vídeo:

Leia mais:

Envie seu comentário

Comentários (0)

Homem é executado em plena luz do dia; veja vídeo

Vítima tentou usar outro homem como escudo antes de ser baleado diversas vezes

Imagens da câmera de segurança do estabelecimento flagraram toda a ação dos homens (Foto: Imagens Câmera de Segurança)

Um homem foi morto a tiros dentro de um lava-jato depois que dois bandidos desceram do veículo e foram em direção a ele, que chegou a correr, mas foi atingido poucos metros a frente. O caso aconteceu em Goiânia na terça-feira (9).

As imagens da câmera de segurança do estabelecimento flagraram toda a ação dos homens encapuzados. A vítima tentou usar outro homem como escudo antes de ser baleado diversas vezes.

Assista ao vídeo:

Leia mais:

 

 

Envie seu comentário

Comentários (0)

Arrependidos, ladrões ligam pra polícia e se entregam

Bandidos confessaram a participação a um assalto realizado em uma área nobre de Londrina

Jovens confessaram depois de serem espancados por familiares da mulher que foi presa (Foto: Reprodução/RICTV Londrina)

Quatro bandidos, entre eles um menor, confessaram a participação a um assalto realizado em uma área nobre de Londrina, no norte do Paraná, e se entregaram à polícia dizendo que uma pessoa inocente estava presa no lugar deles.

O caso aconteceu na madrugada de quinta-feira (11) depois que os homens levaram um carro e duas televisões utilizando uma arma de mentira para praticar o assalto.

Durante buscas, policiais foram até uma residência nas proximidades do local do roubo e flagraram objetos escondidos por cobertores. A mulher foi presa acusada de recptação por não saber explicar como os aparelhos foram parar na residência.

Depois de serem espancados por familiares da mulher que acabou presa, os jovens decidiram ligar para a polícia e confessaram o crime.

A polícia investiga a participação da mulher no caso.

Leia mais:

Envie seu comentário

Comentários (0)