Olá
Logout

Atlético estreia no Brasileirão perdendo de goleada para o Bahia

Autor: Radação RIC Mais
Bahia marcou quatro gols em sete minutos (Foto: Romildo De Jesus/Futura Press/Futura Press/Estadão Conteúdo)

O Atlético Paranaense estreou no Campeonato Brasileiro 2017 neste domingo (14) perdendo de goleada para o Bahia. O jogo, na Arena Fonte Nova, em Salvador, terminou com o placar de 6 a 2 para o time baiano.

O time rubro-negro abriu o placar da partida aos 14 minutos com gol de Guilherme, mas o Bahia empatou aos 33 com Tiago. Quatro minutos depois, o Atlético conseguiu passar o time da casa com Marcão, mas o Bahia empatou novamente o jogo e virou o placar ainda no primeiro tempo, com quatro gols em apenas sete minutos. Zé Rafael marcou aos 39 minutos, Régis aos 41, Edigar Junio aos 43 e Regis novamente aos 46. No segundo tempo, Edson fechou o placar para o Bahia com o sexto gol do time, aos 26 minutos.

O jogo

O time visitante entrou em campo com uma série de desfalques, entre eles o zagueiro Thiago Heleno, o volante Deivid, o meia Carlos Alberto, o meia-atacante Felipe Gedoz e o atacante Pablo, todos machucados. O Bahia não contava com Hernane e Wellington Silva, também lesionados.

E foi o Atlético Paranaense que saiu na frente do marcador com o meia Guilherme, ex-Corinthians. Aos 14 minutos, ele recebeu na área, dominou e bateu colocado de perna direita. O Bahia respondeu com gol de Tiago, aos 33. Após cobrança de escanteio, ele subiu mais do que os zagueiros adversários e desviou para as redes.

Os visitantes voltaram a ficar na frente com Marcão, quatro minutos depois. Guilherme cobrou falta na segunda trave e Marcão precisou chutar duas vezes para superar o goleiro Jean. O Bahia então foi ao ataque e massacrou o adversário em sete minutos.

Zé Rafael deixou tudo igual, aos 39 minutos. Régis fez o da virada, dois minutos mais tarde. Ainda atordoado, o Atlético Paranaense viu o time tricolor marcar o quarto, aos 43. E não parou por aí. Aos 46, Régis fez o segundo dele na partida: 5 a 2.

A partida esfriou no segundo tempo. Mas o Bahia embalado ainda sacramentou a vitória com o sexto gol aos 26 minutos. Após cruzamento rasteiro, a defesa do Atlético Paranaense falhou e Edson decretou a inesperada goleada na estreia. O time de Curitiba ainda ficou com um a menos após a expulsão de Marcão aos 28.

O Atlético Paranaense agora volta as suas atenções para a Copa Libertadores. Nesta quarta-feira visitará a Universidad Católica no Chile, pela última rodada da fase de grupos. O time rubro-negro está na terceira colocação do Grupo 4, com os mesmos sete pontos do San Lorenzo, o vice-líder. No mesmo dia, o time argentino enfrentará o Flamengo, que está na ponta com nove.

O Bahia também vai a campo nesta quarta-feira, quando visitará o Sport, no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, no primeiro duelo da decisão da Copa do Nordeste. A volta está marcada para o próximo dia 24, na Arena Fonte Nova.

FICHA TÉCNICA

BAHIA 6 x 2 ATLÉTICO-PR

BAHIA - Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Matheus Reis; Edson, Juninho, Régis (Diego Rosa), Allione e Zé Rafael (Gustavo); Edigar Junio (Maikon Leite). Técnico: Guto Ferreira.

ATLÉTICO-PR - Weverton; Zé Ivaldo, Cleberson e Marcão; Jonathan (João Pedro); Eduardo Henrique, Bruno Mota (Matheus Rossetto) e Sidcley; Guilherme, Eduardo da Silva e Douglas Coutinho (Nikão). Técnico: Paulo Autuori.

GOLS - Guilherme, aos 14, Tiago, aos 33, Marcão, aos 37, Zé Rafael, aos 39, Régis, aos 41 e aos 46, e Edigar Junio, aos 43 minutos do primeiro tempo; Edson, aos 26 minutos do segundo tempo.

CARTÃO AMARELO - Não houve.

CARTÃO VERMELHO - Marcão (Atlético-PR).

ÁRBITRO - Flávio Rodrigues de Souza (SP).

RENDA - R$ 134.152,50.

PÚBLICO - 8.127 pagantes (8.314 no total).

LOCAL - Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).

Saiba mais: STJD pune federação, árbitro e clubes pelo Atletiba que foi suspenso

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 0,0

Política de
comentários

comentários

Leia também:

INOVADOR

Copa 2018

Milionários

Carregando