Olá {{nome}}
Logout
Ao vivo:
Próximo

Libertadores

Bom desempenho do Furacão como visitante dá ânimo contra o Santos

O Atlético Paranaense tem a quarta melhor campanha como visitante na Libertadores

Autor: Estadão Conteúdo
Time do Atlético em treino na Vila Belmiro (Foto: Bruno Baggio/Site Oficial Atlético-PR)

O lateral-esquerdo Sidcley, do Atlético Paranaense, demonstrou em entrevista coletiva nesta quarta-feira ter confiança na boa fase e também no bom retrospecto do time em jogos como visitante neste ano - no Campeonato Brasileiro, o clube tem a quarta melhor campanha fora de casa - para superar o Santos, nesta quinta, às 21h45, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, para avançar às quartas de final da Copa Libertadores. A derrota por 3 a 2 na partida de ida, em Curitiba, não desanimou o jogador.

"Nosso time trabalhou bastante e conseguiu bons resultados fora de casa. Agora temos que focar neste jogo contra o Santos para vencer. Esta sequência de vitórias também como visitante dá tranquilidade para buscarmos outro triunfo. O Santos é muito forte em casa, mas o Fabiano (Soares, treinador) está conseguindo colocar o trabalho dele e sabemos o que precisamos fazer. Vamos buscar esse resultado e lutar pela classificação, mesmo estando na casa deles", enfatizou o jogador.

Em partidas válidas pela atual edição da Libertadores, o time rubro-negro paranaense já atuou cinco vezes como visitante e conquistou três vitórias - contra Deportivo Capiatá (Paraguai), San Lorenzo (Argentina) e Universidad Católica (Chile).

O elenco do Atlético Paranaense fez nesta quarta-feira no CT Rei Pelé, em Santos, o último treino para enfrentar a equipe paulista. O zagueiro Wanderson, expulso na partida contra a Universidad Católica, cumpre mais um jogo de suspensão e está fora.

Desta forma, os titulares do técnico Fabiano Soares para iniciar o confronto decisivo pelas oitavas de final da competição continental deverão ser: Weverton; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno e Fabrício; Rossetto, Lucho González, Guilherme, Nikão e Sidcley; e Ribamar.

Já o time paulista promete esquecer a vantagem obtida na partida de ida e deve pressionar o Furacão.

Os atletas do Santos têm demonstrado muito respeito pelo time rubro-negro paranaense, que venceu os três últimos jogos pelo Campeonato Brasileiro (Vasco, Avaí e Palmeiras) e detém a quarta melhor campanha como visitante na competição. Por isso, deixam claro que a estratégia será manter o DNA ofensivo do clube e aproveitar o apoio maciço do torcedor - a maior parte dos 16.500 ingressos disponibilizados já foi vendida - para confirmar a classificação à próxima fase do torneio continental.

"A equipe tem que manter o mesmo nível, a mesma intensidade dentro da Vila Belmiro. Contando sempre com o apoio do torcedor, que a gente sabe que vai ter. E o espírito é o de Libertadores. Sabemos que vai ser um jogo complicado. Apesar dessa vantagem do primeiro jogo, não está decidido. O Santos entra em campo em busca da vitória", analisou o volante Renato, que ainda sente dores musculares e nem foi relacionado pelo técnico Levir Culpi para a partida. Alison será o titular da posição.

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 0,0

Política de
comentários

comentários

Leia também:

Furacão na ZR

Tricolor segue no Z4

Campeão Mundial