Curitiba

Coritiba: uma aula de incompetência

Merecidamente, o Coritiba está na segunda divisão

Coritiba cai para a segunda divisão, após a derrota para a Chapecoense (foto: divulgação/ Coritiba)

*Por Marcelo Batata

E finalmente o Coritiba conseguiu ser rebaixado.

Desde 2012, ano após ano, o time alviverde vinha tentando.

Tentava, tentava, e todo ano se salvava no final.

Este ano, achei que se salvaria de novo. Porém, mais por incompetência dos outros, do que pelas próprias forças.

Mas o Coxa conseguiu, e ainda foi sofrido, no finalzinho.

Mais um ano que deu tudo errado, contratações que não deram certo, sem política definida de futebol, troca de treinadores e poucos jogadores que confirmaram.

Agora é encarar a realidade e se organizar para a nova fase. Ainda mais porque tem eleição pela frente.

Para muitos clubes, como Grêmio e Corinthians por exemplo, a segunda divisão fez muito bem.

Organizaram-se e deram a volta por cima, ganhando títulos nacionais e internacionais.

Que seja assim com o Coritiba, que deve lamber suas feridas, ter gestão e finalmente ter uma linha de futebol na qual possa ter convicções e diretrizes para dar a sua volta por cima.

Envie seu comentário

Comentários (0)

De Léon, Adilson, Geromel, soy loco por tri, América!

O Grêmio é copeiro; respeitem a jaqueta tricolor!

Campeão da América como jogador e treinador, Renato se consolida como a maior figura da história do Grêmio (Foto: Fabiano do Amaral)

*Por Marcelo Batata

Não há no Brasil nenhum clube mais vezes Campeão da América do que o Grêmio.

Não há no Brasil nenhum clube com mais participações na Libertadores do que o Grêmio.

O Grêmio tem mais Libertadores que todos os clubes do Rio de Janeiro.

O Grêmio é o único clube, ao lado do Santos de Pelé, que venceu em final de Libertadores na Argentina, em 14 confrontos de finais entre os países.

O Grêmio é o brasileiro que mais venceu Libertadores fora de casa.

O Grêmio tem o único brasileiro campeão como jogador e como treinador.

Deve estar sendo bem difícil aturar os gremistas por estes dias. E acho que vai continuar sendo assim por muito tempo.

A Copa, como chamamos a Libertadores, e a valorizamos há muito tempo, é um título inesquecível.

E inesquecíveis são os representantes abaixo da torcida do Grêmio, que trouxe o Tri e escreveu os seus nomes na história:

Marcelo Grohe - Milagrohe, gremista de nascença, há mais de 15 anos no clube e fazedor de milagres nesta Copa.

Edilson – além do crescimento técnico nas finais, foi ponto fundamental na sua volta ao clube, colocando sangue quente e mais bravura na equipe tricolor.

Geromel – Geromito, Gerodeus, Geromonstro, o maior antecipador de jogadas que vi no Grêmio, nosso novo capitão América.

Kanemann – nasceu para jogar no Grêmio. Passou sua bravura e coragem para Bressan na final.

Cortez – estava indo para o Náutico, que caiu para a terceira divisão este ano, quando o “Santo Portaluppi” o resgatou e o fez mais um campeão da América.

Jailson – mais uma cria da base. Ao lado de Michel, substituiu o capitão Maicon com muitos méritos.

Arthur – um fora de série, não erra passe, guri, mas gente grande em campo.

Ramiro – guerreiro de todas as horas, mais um firmado pelo “Santo Portaluppi”.

Luan –Luanel Messi, o diferencial do time, que, sem sujar um risco do calção, consegue ser o melhor de um time tão raçudo e copeiro como o Grêmio.

Fernandinho – mais um milagre do “Santo”. Completamente desacreditado, ainda mais depois da saída de Pedro Rocha, que ajudou muito o clube neste título.

Barrios – outro argentino que foi fundamental para o título, com gols importantes, principalmente quando achou um gol contra o Botafogo nas quartas-de-finais.

Renato - canonizem o Santo. E juntamente a gloriosa jaqueta tricolor de número 7, de Renato, Paulo Nunes e Luan. E façam uma estátua pro homem, com uma quadra de futevôlei e praia ao lado.

Claro que não podem ser esquecidos toda a equipe de trabalho, desde o excelente trabalho de gestão do presidente Romildo, equipe técnica, os que tiveram desde o início do trabalho, como Pedro Rocha e Valdir Espinosa, e os demais jogadores que fizeram parte desta conquista, como Ewerthon, Maicon, Michel, Cícero, Bressan, Jael e outros que foram fundamentais para a conquista da América.

Soy loco por tri, América! Soy loco por tus tres colores!

Agora, vou ir torcer pro Grêmio bebendo vinho, porque o Mundial é o meu caminho!

Envie seu comentário

Comentários (0)

Neymar perde a primeira partida pelo PSG; confira rodada na Europa

Mas mesmo com derrota por 2 x 1 para o Strasbourg, equipe é líder com folga

Neymar teve boa atuação, se movimentando e criando chances, mas a sua equipe não conseguiu traduzir as oportunidades. (Foto: R7/Reuters)

*Do R7

O PSG não conseguiu ultrapassar a retranca do Strasbourg e, surpreendido nos contra-ataques, foi derrotado por 2 x 1 neste sábado (2) no Campeonato Francês. Neymar teve boa atuação, se movimentando e criando chances, mas a sua equipe não conseguiu traduzir as oportunidades em gol, também graças a grande atuação do goleiro Oukidja, que entrou no meio da partida.

Da Costa abriu o placar para o Strasbourg. Mbappé empatou e, no segundo tempo, Bahoken fez o segundo. A derrota, porém, pouco muda o panorama do campeonato, já que o PSG, com 41 pontos, se mantém líder. O Olympique de Marselha, segundo colocado com 31 pontos, pode diminuir um pouco a diferença caso vença, fora de casa, neste domingo (3), o Montpellier.

(Foto: R7/Reuters)

O atacante Roberto Firmino teve boa atuação, pelo Liverpool e, neste sábado, marcou duas vezes na goleada de sua equipe sobre o Brighton por 5 a 1, fora de casa, pela 15.ª rodada do Campeonato Inglês. Philippe Coutinho também fez um, em cobrança de falta.

(Foto: R7/Reuters)

O Liverpool subiu para a quarta colocação com 29 pontos, um na frente do Arsenal, que faz o clássico contra o Manchester United ainda neste sábado. Já o Brighton está em 11.º, com 17 pontos.

(Foto: R7/Reuters)

Já o Manchester United, com 35 pontos, continua na luta pela liderança, chegando a cinco pontos de diferença do líder Manchester City, ao vencer fora de casa o Arsenal, neste sábado por 3 x 1. O time dirigido por José Mourinho foi muito objetivo e, mesmo com 25% da posse de bola, terminou com a vitória, em partida na qual o seu goleiro, De Gea, se destacou. O Manchester City enfrenta em casa neste domingo (3) o West Ham.

(Foto: R7/Reuters)

Foi na base do sofrimento, mas valeram os três importantes pontos para o Atlético de Madrid na tabela de classificação do Espanhol. Neste sábado (2), pouco depois do líder Barcelona tropeçar em casa e só empatar com o Celta, o clube de Madri recebeu a Real Sociedad, no recém-inaugurado estádio Wanda Metropolitano, pela 14.ª rodada, e venceu de virada por 2 a 1, com um gol do atacante francês Antoine Griezmann aos 42 minutos do segundo tempo.

(Foto: R7/Reuters)

Pela primeira vez neste Campeonato Espanhol, o Barcelona desperdiçou pontos no Camp Nou. Apesar da boa atuação de Messi e dos gols do argentino e de Luis Suárez, o time catalão sofreu com os contra-ataques do Celta de Vigo e ficou apenas no empate por 2 a 2, pela 14.ª rodada da competição.

(Foto: R7/Reuters)

Após o Barcelona empatar com o Celta, o Real Madrid tinha grande oportunidade para se aproximar do líder do Campeonato Espanhol. E não aproveitou. Jogando fora de casa contra o Athletic Bilbao, no estádio Novo San Mamés, em Bilbao, no País Basco, pela 14.ª rodada, ficou em um decepcionante 0 a 0.

(Foto: R7/Reuters)

Pouco mais de um ano depois da tragédia aérea na Colômbia, a Chapecoense foi novamente homenageada em campo neste sábado. Pela 14.ª rodada do Campeonato Italiano, no estádio Olímpico, em Turim, o Torino enfrentou a Atalanta todo de verde, substituindo o seu tradicional grená no uniforme, e ficou no empate por 1 a 1.

(Foto: R7/Reuters)

Na Alemanha, o Bayern de Munique derrotou o Hannover 96 por 3 x 1, com gols de Vidal, Coman e Lewandowski. Benschop fez o do adversário. O resultado manteve o Bayern na liderança do Alemão, com 32 pontos. O Leipzig, em segundo, tem 26 pontos e foi goleado neste sábado pelo Hoffenheim, por 4 x 0, jogando na casa do adversário. Pode ser ultrapassado pelo Borussia Mönchengladbach e pelo Schalke 04.

(Foto: R7/Reuters)

Leia também:

Envie seu comentário

Comentários (0)