Curitiba

Brasil demora a engrenar, mas vence Equador nas Eliminatórias

Paulinho e Coutinho marcaram no aniversário de um ano da estreia de Tite

Philippe Coutinho comemora o segundo gol na Arena do Grêmio contra o Equador (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

* DO R7

O Brasil segue com 100% de aproveitamento sob comando de Tite nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. A vítima desta quinta-feira (31) foi o Equador, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre. A equipe não apresentou grande futebol, mas conseguiu atingir seu objetivo e vencer por 2 a 0, na comemoração de um ano da estreia de Tite no comando da seleção.

Depois de um primeiro tempo bastante truncado e com poucas chances de gol, o Brasil desencantou na etapa final e marcou os dois gols da vitória.

Quem tirou o zero do placar foi Paulinho, aos 25 minutos, que vive grande fase como volante-artilheiro na seleção. Cerca de sete minutos depois foi a vez do público na Arena do Grêmio ver uma pintura. Gabriel Jesus recebeu dentro da área, deu um chapéu em Arboleda, zagueiro do São Paulo, e de cabeça tocou para Coutinho que marcou o segundo e deu números finais ao jogo.

Principal estrela da seleção em toda campanha das Eliminatórias Sul-Americanas, Neymar dessa vez não balançou as redes apesar das boas chances criadas. Em determinados momentos, houve também certo individualismo. O camisa 10 também apanhou bastante dos equatorianos, que já são conhecidos por chegar mais duro em algumas jogadas. 

Com o resultado, o Brasil agora soma 36 pontos e segue na liderança isolada das Eliminatórias, com 11 pontos de vantagem para a vice-líder Colômbia. O Equador permanece com 20 e é apenas o sétimo colocado, ficando de fora da zona de classificação para o Mundial.

O Brasil volta a campo na próxima terça-feira (5) para encarar a Colômbia, em Barranquilla, às 17h45 (horário de Brasília), enquanto que o Equador medirá forças com o Peru, no Olímpico de Atahualpa.

Leia também

Envie seu comentário

Comentários (0)

Coxa tropeça e encara pressão de clássico e de proximidade do Z4

Derrota contra o Vitória aproxima Coritiba da zona de rebaixamento; vitória no clássico pode aliviar pressão

Vitória foi mais competente e aproveitou oportunidade para marcar contra o Coxa (Foto: Site Oficial/ Coritiba)

*Por Marcelo Batata

Time alviverde perde mais uma partida em casa e fica muito próximo do Z4

Necessitando de uma vitória para fugir da proximidade da zona de rebaixamento, o Coritiba foi derrotado pelo Vitória, no último jogo da 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, e segue com uma incômoda estatística de uma vitória nos últimos nove jogos disputados em casa.

Ainda sem o retorno de Kleber, que sentiu uma lesão no joelho durante um treino, o Coxa perdeu um pênalti cobrado pelo estreante Rafael Longuine e ainda teve um gol mal anulado no primeiro tempo. Mesmo assim, não dá para dizer que o resultado foi injusto, pois o Vitória aproveitou uma das chances que teve, enquanto o Coxa foi incompetente na hora de colocar a bola pra dentro.

O time do Coritiba enfrenta uma séria dificuldade no seu meio-campo, principalmente na meia de ligação, com falta de criatividade e tentando compensar as deficiências com jogadas pelas laterais, ligações diretas e cruzamentos da intermediária. Nestas condições, a bola acabou chegando 'quadrada' para seus atacantes, que ainda por cima não tiveram uma noite inspirada.

Após a derrota desta segunda-feira, fica agora o Coxa muito pressionado para o próximo jogo, que será o clássico contra o Atlético Paranaense na Arena da Baixada. 

Hernanes voando!

O meia Hernanes voltou para o São Paulo para ser o "salvador da pátria". E está sendo. Só não se sabe se todo este esforço será recompensado com a salvação do time tricolor da segunda divisão.

Hernanes fez seis gols em seis jogos e tomou conta do time do São Paulo, distribuindo o jogo, chutando com as duas pernas, entrando na área e sendo o principal destaque do Brasileirão desde o seu retorno. 

O São Paulo tem lotado o Morumbi, tem tido todo o apoio da torcida, tem atuado bem em algumas partidas, mas quando chega na "hora h" não consegue definir os jogos. A impressão que passa é que a bola queima nos momentos decisivos, típico de quando clubes grandes encontram-se na zona de rebaixamento.

Corinthians tropeçando  

Fica claro que o elenco reduzido está atrapalhando o Corinthians nesses últimos três jogos, quando perdeu por duas vezes e não manteve sua média ótima de atuações e resultados no Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, como já destaquei aqui, estas derrotas serão normais até o final do campeonato, e a taça está praticamente já no armário do time dirigido por Fabio Carille.

Envie seu comentário

Comentários (0)

Coritiba perde para o Vitória e fica apenas um ponto fora do rebaixamento

Time paranaense tem 26 pontos, apenas um a mais que Chapecoense e Avaí, já dentro da zona da degola

Kanu comemora a vitória contra Coritiba pela 22ª rodada do Brasileirão (Foto: Guilherme Artigas, Estadão Conteúdo)

*Do R7

O Vitória conquistou três pontos importantes no encerramento da 22ª rodada do Campeonato Brasileiro nesta segunda-feira (28) ao bater o Coritiba por 1 a 0, no Couto Pereira, fora de casa. Quem se deu mal com esse resultado foi o São Paulo, que agora fica em situação ainda mais complicada na competição.

Confira classificação e jogos

O gol que garantiu a vitória ao time baiano foi marcado pelo zagueiro Kanu, no segundo tempo. O defensor aproveitou rebote de Wilson para mandar para o fundo das redes e garantir o triunfo em cima do time paranaense.

A busca pelo empate dos donos da casa passou a ficar mais difícil após a expulsão do zagueiro Márcio, por agredir o atacante Tréllez com um chute. Já nos acréscimos, Flávio Rodrigues de Souza, árbitro da partida, expulsou mais dois atletas, Yago e Anderson, após pequeno atrito.

No primeiro tempo, o Coritiba teve a chance de abrir o placar, mas não aproveitou. Rildo cruzou para a área e a bola bateu na mão do defensor do Vitória. Pênalti para os paranaenses. Rafael Longuine cobrou e parou em grande defesa de Fernando Miguel.

O Vitória agora soma 25 pontos, sobe duas posições e sai da zona do rebaixamento, ocupando a 16ª colocação na tabela. O Coritiba permanece com 26 e está uma posição acima do rival desta noite.

O Campeonato Brasileiro sofrerá uma pausa por conta das Eliminatórias e os times só voltam a campo no próximo dia 10. A equipe coxa-branca terá o clássico com o Atlético-PR pela frente, enquanto que o Rubro-negro baiano enfrentará o Fluminense, em Salvador.

Envie seu comentário

Comentários (0)