Olá {{nome}}
Logout
Ao vivo:
Próximo

Anel de Integração

Pedágios Paraná: governador anuncia que haverá redução nas tarifas

Além da redução dos valores em até 50%, obras de modernização das estradas deverão ser executadas e novos trechos de rodovias serão licitados

Autor: Redação RIC Mais
Pedágios do Paraná sofrerão redução nas tarifas, segundo o governador. (FOTO: AEN)
Pedágios do Paraná sofrerão redução nas tarifas, segundo o governador. (FOTO: AEN)

O governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciou nesta quarta-feira (13) que o governo federal licitará as concessões de rodovias que formam o Anel de Integração inclusive os trechos estaduais, cujos contratos expiram em 2021, e que haverá uma redução de até 50% no valor das tarifas cobradas nos pedágios do Paraná.

Pedágios Paraná

Ainda conforme o governador, além da redução dos valores cobrados, obras de modernização das estradas deverão ser executadas, como as duplicações que não foram feitas e implantação de contornos rodoviários, principalmente nas maiores cidades cortadas pelo Anel de Integração.

Comitê de trabalho

Ele também declarou que um comitê de trabalho será formado por representantes do Estado e do governo federal para tratar das concessões dos pedágios paranaenses. A primeira reunião conjunta deve acontecer até a próxima semana.

Segundo o governador Ratinho Junior, a decisão de trabalhar as futuras concessões em conjunto com a União vai agilizar o processo. Ele acrescentou que a perspectiva é fazer as licitações em 2020, mesmo que os atuais contratos se encerrem somente no final de 2021.

“A Caixa Econômica Federal já tem um trabalho bem adiantado de concessões de rodovias em âmbito nacional, incluindo o Paraná”, disse o governador.

Novos Trechos

O comitê conjunto avaliará também a inclusão de outras rodovias importantes do Estado no novo programa federal de concessões de pedágios no Paraná, como a PR-323 no Noroeste, a PR-280 no Sudoeste e a PR-092, no Norte Pioneiro.
O secretário de Infraestrutura e Logística destaca que, independente da parceria com o governo federal, fechada durante uma recente reunião com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, em Brasília, a pasta já iniciou estudos para melhoria das rodovias concedidas. “Em alguns trechos críticos, nós também vamos continuar investimentos e depois fazer a negociação com o governo federal”, ressaltou Sandro Alex.

Pedágios no Paraná: Agepar autoriza aumento de tarifa em até 17,6%

Beto Richa se torna réu por corrupção passiva e organização criminosa

Fernanda Richa é denunciada por lavagem de dinheiro pelo MPF

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 4,1

  • Comentário via facebook