Curitiba

Doceira recebe carta preconceituosa acompanhada de bananas

Um programa foi lançado para dar suporte e orientações às vítimas de racismo

"Você carrega no sangue um DNA escravo e sempre será tratado como tal”, diz um dos bilhetes. (Foto: Reprodução/RICTV)

A cliente procurou os serviços da Janete e se recusou a finalizar a compra, alegando "não gostar de falar ou fazer negócio com pessoas negras".  Desde então, a doceira começou a sofrer ataques racistas, um deles chegou no dia Internacional da Mulher, 8 de março.

As cartas possuem um teor muito preconceituoso, como por exemplo: “aceita que é melhor; você nunca será igual. Carrega no sangue um DNA escravo e sempre será tratado como tal”.

Em 2015, foram registradas 400 denuncias de crimes raciais no estado do Paraná. Em 2016, o número caiu para 186. Para dar suporte aos paranaenses que sofrem preconceito foi lançado o programa “S.O.S Racismo”. Ligando para o 0800 642 0345 a população encontra um equipe pronta para registrar e passar orientações. Assista à reportagem:

Envie seu comentário

Comentários (0)

Bebê recém-nascido é abandonado em banheiro de rodoviária no Paraná

Criança estava coberta com panos no chão do banheiro feminino e ainda tinha o cordão umbilical

Polícia acredita que criança pode ter nascido dentro do banheiro (Foto: Reprodução/RICTV Londrina)

Um bebê recém-nascido foi encontrado no banheiro feminino da Rodoviária de Rolândia, na região metropolitana de Londrina, no norte do Estado. Uma mulher encontrou a criança na tarde de quarta-feira (8).

De acordo com a Polícia Militar de Rolândia, o recém-nascido ainda estava com o cordão umbilical e pode ter nascido no local. Funcionários que ampararam o bebê e chamaram a polícia dizem que o menino estava bem limpo e acreditam que criança foi apenas abandonada.

O bebê foi encaminhado para um hospital da cidade onde foi submetido a todos os exames que devem ser feitos em recém-nascidos, inclusive o teste de HIV. Após os exames, a criança passou a ficar sob os cuidados do Conselho Tutelar em uma casa lar de Rolândia.

A Polícia Civil abriu um inquérito e vai tentar descobrir a identidade da mãe.

Veja também:

Rapaz encontra recém-nascido dentro de saco de lixo

Bebê de dois meses morre com suspeita de maus-tratos

Envie seu comentário

Comentários (0)

Homem morre atropelado a poucos metros de passarela

Corpo de Bombeiros esteve no local, mas a vítima morreu na hora

Vítima foi atropelada por caminhão e morreu na hora (Foto: Reprodução/Djalma Malaquias)

Um homem de aproximadamente 40 anos morreu atropelado na BR-116, no bairro Tatuquara, em Curitiba. O atropelamento aconteceu na manhã desta quinta-feira (9) no limite entre os municípios de Curitiba e Fazenda Rio Grande.

O homem tentava atravessar a rodovia a poucos metros de uma passarela para pedestres quando um caminhão o atingiu. O Corpo de Bombeiros esteve no local, mas a vítima morreu na hora. O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.

Veja também:

Motorista atropela idosa e dirige com corpo dentro do veículo por 1 km

Vídeo mostra momento em que vitima é atropelada ao perseguir criminoso

Envie seu comentário

Comentários (0)