Olá {{nome}}
Logout
Ao vivo:
Próximo

Convênio rescindiu

Contas de luz não podem mais ser pagas em casas lotéricas no Paraná

O contrato com a Caixa foi renovado em janeiro, com reajuste com base no INPC, mas, em fevereiro, o banco reivindicou um novo reajuste

Autor: Redação RIC Mais
O contrato com a Caixa foi renovado em janeiro, com reajuste com base no INPC, mas, em fevereiro, o banco reivindicou um novo reajuste  (Foto: Divulgação/Copel)
O contrato com a Caixa foi renovado em janeiro, com reajuste com base no INPC, mas, em fevereiro, o banco reivindicou um novo reajuste (Foto: Divulgação/Copel)

A Copel rescindiu o convênio com a Caixa Econômica Federal, afetando o pagamento das faturas e energia nas casas lotéricas de todo o Paraná. A medida passa a valer a partir desta terça-feira (13). 

O contrato da Copel com a Caixa Econômica foi renovado em janeiro, com reajuste com base no INPC conforme previsto em cláusula contratual, e possui vigência até janeiro de 2019. No entanto, em fevereiro o banco reivindicou um reajuste de 47% nesta taxa. De praxe no mercado, as empresas pagam uma taxa por fatura para que os bancos aceitem o pagamento. 

Para a Copel analisar este aumento na taxa exigido pela Caixa Econômica é essencial que o banco forneça documentos que comprovem esta necessidade. No entanto, a Caixa Econômica ainda não os forneceu. Assim, visando a defesa dos seus clientes, a Copel está adotando as medidas possíveis para resolver este impasse.

A rede arrecadadora da Copel está presente em todos os municípios atendidos pela Companhia e é composta por bancos, mercados, farmácias, grandes lojas varejistas, entre outras. Confira a lista completa aqui

Leia também:

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 0,0

  • Comentário via facebook