Olá {{nome}}
Logout
Ao vivo:
Próximo

CRIME

Caso Daniel: veja a linha do tempo do jogador encontrado morto

Veja a cronologia da morte do jogador de futebol Daniel Correa

Autor: Redação RIC Mais
O jogador Daniel foi morto no dia 27 de outubro. (Foto: Montagem/RIC Mais)
O jogador Daniel foi morto no dia 27 de outubro. (Foto: Montagem/RIC Mais)

Daniel Correa Freitas, jogador de futebol encontrado morto na Colônia Mergulhão, em São José dos Pinhais, no dia 27 de outubro, tinha sinais de espancamento, pescoço quase degolado e órgão genital decepado.

Ele participou da comemoração do aniversário de 18 anos de Allana Brittes, em uma casa noturna famosa, em Curitiba, e seguiu para a casa da família para continuar a festa.

Daniel foi pego dentro do quarto da mãe, Cristiana Brittes, deitado na cama dela. Tirou fotos com ela desacordada e mandou pra um amigo. Edison Brittes, marido de Cristiana, diz que ouviu a esposa pedindo socorro porque estaria sendo estuprada. As testemunhas desmentem essa versão.

Reprodução

Primeiro, Edison disse informalmente que arrombou a porta pra entrar no quarto. Depois, mudou a versão dizendo que entrou pela janela. Na sequência, começou espancamento.

Além de Edison, teriam participado das agressões outros homens da festa: Igor, David, Eduardo. Segundo Edison, um dos irmão gêmeos Purkote que estavam na festa ajudaram a espancar o jogador.

Depois, junto com Edison, Igor, David e Eduardo saíram da casa com Daniel já muito machucado no porta malas. O que aconteceu depois que saíram da casa até deixarem o corpo no matagal ainda é uma incógnita.

Reprodução

Veja a linha do tempo no caso Daniel:

DIA 26/10

- festa da Allana - comemorava 18 anos em uma casa noturna  

DIA 27/10

- madrugada: continuam a festa na casa da família de Allana

- manhã: Daniel é espancado dentro da casa. Edison alega que estupra estaria sendo estuprada por Daniel - testemunhas desmentem a história.

- tarde: Gabriel encontra o corpo de Daniel em uma região de eucaliptos.

DIA 28/10

- Às 14h, Edison, Allana e Cristiana se encontram com testemunhas do caso no Shopping São José, segundo a polícia, para coagir testemunhas.

DIA 31/10

- Cristiana Brittes é presa temporariamente por 30 dias.

- Daniel é velado e enterrado na cidade de Conselheiro Lafaiete, em Minas Gerais.

Reprodução

DIA 01/11

- Edison e Allana Brittes são presos temporariamente por 30 dias.

DIA 05/11

Allana Brittes, filha do suspeito de matarjogador Daniel Corrêa Freitas, prestou depoimento na tarde desta segunda-feira (5) na delegacia de São José dos Pinhais. Em depoimento, Cristiana Brittes afirma que tem um relacionamento afetivo há 20 anos com Edison Brittes Júnior, e que com ele tem duas filhas. Além de Allana, o casal também possui mais uma filha, de 11 anos.

DIA 07/11

- Edison prestou depoimento.

- A polícia prendeu no início da noite desta quarta-feira (7), por volta das 18h, o quarto suspeito de envolvimento no assassinato do jogador Daniel Corrêa Freitas. Eduardo Henrique Ribeiro da Silva, de 19 anos, foi detido em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). 

DIA 08/11

- Feita perícia complementar no local do crime onde o jogador Daniel Correa foi encontrado morto.

Mais dois suspeitos de participar da morte do jogador Daniel Correa foram presos nesta quinta-feira (7). Ygor King, de 19 anos, e David Willian da Silva, de 18 anos, estavam acompanhados dos advogados que alegaram terem sido ameaçados durante o espancamento.

- Regina Corrêa, tia do jogador Daniel Corrêa Freitas assassinado no dia 27 de outubro, prestou depoimento na tarde desta quinta-feira (8) na 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.

- Cristiana Brittes, esposa de Edison Brittes - suspeito de matar o jogador Daniel Correa -, e a filha dela, Allana Brittes, foram transferidas nesta quinta-feira (7) para a Penitenciária Feminina de Piraquara, na Grande Curitiba.

- Edison foi transferido para Central de Flagrantes

DIA 09/11

- Os jovens suspeitos de envolvimento na morte do jogador Daniel Corrêa, de 24 anos, devem prestaram depoimento na manhã desta sexta-feira (9) na delegacia de São José dos Pinhais.

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 3,3

  • Comentário via facebook
Leia também:

PERIGO

PREVISÃO DO TEMPO

saúde