Olá {{nome}}
Logout
Ao vivo:
Próximo

Momentos de terror

Casas desabam e moradores escampam por pouco em Colombo

“Eu escutei um 'barulhão' e perguntei para o meu marido se estava chovendo. Aí fui ver e a casa estava desmoronando”, contou uma das moradoras do condomínio

Autor: Redação RIC Mais
A churrasqueira das casas ficou completamente destruída (Foto: Paulo Fischer/RICTV Curitiba)
A churrasqueira das casas ficou completamente destruída (Foto: Paulo Fischer/RICTV Curitiba)

Os moradores de um condomínio em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, viveram momentos de terror no final da noite desta quarta-feira (10). Em quatro casas, a parte dos fundos desabou. As principais áreas atingidas foram a cozinha, lavanderia e churrasqueira.

Casas desabam em condomínio de Colombo

De acordo com moradores, o terror começou depois que uma construção começou ao lado do condomínio. As vítimas acreditam muita terra foi retirada da divisa entre as residências e a obra. “Eu escutei um 'barulhão' e perguntei para o meu marido se estava chovendo. Aí fui ver, a casa estava desmoronando”, contou a dona de casa Mirian Ribeiro Correa.

Enquanto a equipe de reportagem da RICTV | Record TV acompanhava o caso, mais uma casa desabou (assista abaixo). Por sorte, ninguém ficou ferido. O condomínio foi construído em 2010 e, segundo moradores, eles não enfrentavam problemas até o início das obras, há cerca de seis meses. Veja um registro dos moradores antes do desabamento:

Um dos moradores registrou as rachaduras antes do desabamento (Foto: Colaboração)

Problemas começaram após obras no terreno ao lado

Os moradores procuraram a Prefeitura de Colombo e a construtora responsável pela obra também, mas nenhuma providência foi tomada. “Fui direto na prefeitura, fiz um relato e eu tenho o protocolo. No relato, pedi para que a obra fosse fiscalizada porque alguma coisa de errado tinha. Depois de uns cinco dias, liguei para saber qual providência tomar e eles me informaram que estava tudo em ordem”, disse a auxiliar administrativa Cintia Muraski.

O Corpo de Bombeiros (CB) foi até o local, e no início da madrugada desta quinta-feira, as residências foram interditadas. A orientação é que os moradores afetados não continuem nas residências. Os donos dos imóveis esperam que a construtora resolva logo o problema causado com o início das obras.

Até o fechamento desta matéria, não foi estabelecido contato com a Prefeitura de Colombo. 

Medo de ficar dentro de casa

A dona de casa Mirian, relatou que sente medo em deixar suas filhas sozinhas em casa com o condomínio nessa situação. "A minha preocupação é com as minhas filhas. É triste ver aquilo lá [casa destruída], mas uma vida a gente não consegue trazer de volta", relatou. Assista!

*Com informações do repórter Marcelo Borges, da RICTV Curitiba

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 5,0

  • Comentário via facebook