Olá {{nome}}
Logout
Ao vivo:
Próximo

Por Jorge Jubrail

Conheça-te primeiro, depois ao teu semelhante e fundam-se em amor fraterno

"Precisamos nos conhecer melhor, mas, também, precisamos conhecer melhor as pessoas amadas. Só poderemos amparar e sermos amparados, quando entendermos as preocupações e anseios que nos causam aflição e que afligem as pessoas amadas."

Autor: Jorge Jubrail
Banco de Imagens Pixabay.jpg
Banco de Imagens Pixabay.jpg

Apenas alguns minutos são suficientes para resgatarmos na memória algumas informações sobre nosso pai e nossa mãe, para tentarmos responder as seguintes perguntas:

Qual o prato favorito?

Qual a data de casamento?

Quando e onde se conheceram?

Quais eram os passeios que mais gostavam?

Qual o tipo sanguíneo?

 São perguntas aparentemente simples que, porém, muitos de nós não teremos as respostas para todas. Passamos a vida inteira ao lado das pessoas que mais amamos, aquelas que nos fazem e desejam o bem  e, muitas vezes, nós não as conhecemos plenamente, diferentemente delas, que nos conhecem até do avesso.

 A humanidade precisa cada vez mais que nos preocupemos com o próximo, que conheçamos seus medos e anseios, suas dores e seus prazeres, para que possamos saber amparar e a quem pedir amparo quando precisarmos. Necessitamos nos humanizar mais, deixar de lado um pouco a condição de “robôs” criados apenas para gerar mais valia para o mundo materialista.

 Quando estreitarmos os laços e aprendermos mais sobre as pessoas queridas, mesmo distantes estaremos próximos, seremos carregados e carregaremos no coração as pessoas amadas. Dessa maneira, ainda que não haja a presença física, a presença espiritual será sentida.

 Da próxima vez, quando estivermos reunidos com as pessoas queridas, além das futilidades que conversamos, vamos especular mais sobre sua história e falar mais sobre as nossas, é no passado que está o registro de nossas preocupações e nossa condição presente, talvez, possamos orientar e sermos orientados, é uma ajuda valiosa.

O que achou desta matéria

  1. Péssima
  2. Ruim
  3. Regular
  4. Boa
  5. Excelente

Média dos leitores 5,0

  • Comentário via facebook
Leia também:

Comunidade

Por Jorge Jubrail

Por Jorge Jubrail