Professores convidados

Jornada de Ritmo, Música e Movimento promove 12 oficinas de percussão


Divulgação
Em cada oficina, são disponibilizadas 30 vagas.
Em cada oficina, são disponibilizadas 30 vagas.
Redação RIC Mais

Curitiba vai se transformar em uma grande mistura de ritmos e sotaques musicais. Com apoio da Escola de Música e Belas Artes do Paraná (EMBAP), a Cena Hum Academia de Artes Cênicas promove, entre os dias 27, 28 e 29 de setembro e 4, 5 e 6 de outubro, a Jornada de Ritmo, Música e Movimento. Voltado a educadores, artistas, estudantes e demais interessados, o evento reúne 12 oficinas ministradas por quatro professores convidados.

Charles Raszl - que é guitarrista, compositor, diretor musical de dois grupos de teatro de rua e integrante do grupo Barbatuques – ministra três oficinas (uma delas para crianças entre 4 e 14 anos) onde são valorizadas as técnicas de percussão corporal.

Uirá Kuhlmann - consultor de Educação Musical para professores, escolas e demais espaços culturais, além de pesquisador e arranjador na área de Educação Musical e Cultura Brasileira – ministra oficinas onde sons são obtidos através da utilização de bambolês e dos chamados “boomwhackers”, tubos coloridos que agradam tanto aos ouvidos quanto aos olhos, numa bela mistura de música e artes plásticas.

Percussionista e professor conhecido internacionalmente, com mais de 20 anos de carreira, especializado em ritmos e percussão brasileira, Ari Colares ministra as oficinas de “Samba de Roda e Samba” (o samba de roda é considerado o avô do Samba), “Jongo” (uma das matrizes do samba, o Jongo está diretamente associado à cultura africana), “Coco de Roda e Baião” (o coco de roda tem sua origem na união da cultura negra com os povos indígenas no Brasil). As oficinas com Ari Colares constituem uma valiosa oportunidade para vivenciar e aprender importantes ritmos e melodias tradicionais da cultura brasileira, com seus toques de percussão, passos de dança, cantoria e história.

Estevão Marques - músico, professor de percussão, integrante do grupo “Palavra Cantada” e diretor musical especializado em músicas e danças do mundo – prova que a música pode ser retirada de qualquer instrumento. Em uma de suas oficinas, intitulada “Colherim”, ele ensina a utilizar a colher como instrumento de percussão. A prática é popular em muitos lugares do mundo, como Espanha, Canadá e Turquia.

O evento é coordenado pela professora do curso de Licenciatura em Música da EMBAP, Jaira Perin. Em cada oficina oferecida pela jornada são disponibilizadas 30 vagas. As inscrições para cada uma delas custam R$ 80,00 (escolhendo 3 oficinas, é dado 10% de desconto) e podem ser realizadas através do endereço www.percussionices.blogspot.com ou pessoalmente na Secretaria da Cena Hum (Rua Senador Xavier da Silva, 166, São Francisco – Curitiba. Telefone de contato: 41-3333-0975). No hot-site também é possível encontrar os valores e formas de pagamento, além de fotos, vídeos, currículos dos professores e descrição detalhada das oficinas.

CONFIRA A RELAÇÃO DE OFICINAS, DATAS E HORÁRIOS DE REALIZAÇÃO:  

Oficina 1 – Técnicas de Percussão Corporal (27/09, das 14h às 17h)

Ministrante: Charles Raszl. O tema de estudo é o próprio corpo, que pode ser utilizado na produção de diferentes sons e ritmos.

Oficina 2 – Ritmos Regionais na Percussão Corporal (27/09 das 19h às 22h)

Ministrante: Charles Raszl. Serão trabalhados ritmos brasileiros, jogos de improvisação e criação por meio de técnicas de percussão corporal especialmente desenvolvidas pelo grupo Barbatuques.

Oficina 3 – Percussão Corporal pra crianças (28/09 das 9h às 12h)

Ministrante: Charles Raszl. Voltada a crianças entre  4 e 14 anos de idade, convida os participantes a desenvolverem o ritmo e a coordenação psicomotora a partir de uma sequência de atividades lúdicas que estimulam a própria percepção.

Oficina 4 – Boomwhackers: Música para cartelas e tubos (28/09 das 14h às 17h)

Ministrante: Uirá Kuhlmann. A exploração dos sons obtidos através de tubos coloridos transforma a oficina em uma enorme brincadeira, recheada de desafios e movimentos musicais. As músicas nascem a partir de Cartelas e Palavras, com divertidos temas.

Oficina 5 – Boomwhackers: Música e Cênica (29/09 das 9h às 12h)

Ministrante: Uirá Kuhlmann. Tubos coloridos são novamente explorados, dessa vez com o intuito de estimular a criação de palco, permitindo pesquisas de deslocamento pelo espaço e maior interação com os demais participantes.

Oficina 6 – O bambolê, a música e o movimento (29/09 das 14h às 17h)

Ministrante: Uirá Kuhlmann. O foco de trabalho são bambolês desmontáveis, que permitem a criação de música e da arte plástica dentro de sala de aula.

Oficina 7 – Samba de roda e samba (04/10 das 14h às 17h)

Ministrante: Ari Colares. Oferece o aprendizado de técnicas de percussão, cantoria e muita dinâmica corporal a partir do estilo musical tradicional afro-brasileiro.

Oficina 8 – Coco de roda e baião (04/10 das 19h às 22h)

Ministrante: Ari Colares. Aborda técnicas de execução dos instrumentos associados a esses ritmos, que são o pandeiro, o atabaque, o ganzá, a zambumba e o triângulo.

Oficina 9 – Jongo (05/10 das 9h às 12h)

Ministrante: Ari Colares. Busca a exploração desse ritmo através de variados instrumentos e um forte trabalho de percepção corporal.

Oficina 10 – Colherim (05/10 das 14h às 17h)

Ministrante: Estevão Marques. Utiliza a colher como instrumento de percussão, prática popular em muitos lugares do mundo, como por exemplo a Espanha, o Canadá e a Turquia.

Oficina 11 – Mirabolâncias pelo mundo (06/10 das 9h às 12h)

Ministrante: Estevão Marques. Traz jogos do mundo inteiro que são transformados, com o acompanhamento de instrumentos inusitados, em dança e música.

Oficina 12 – No embalo do batuque (06/10 das 14h às 17h)

Ministrante: Estevão Marques. Trabalha a dança e a percussão popular do Brasil de Norte a Sul, focando na percepção das diferenças e semelhanças entre os diversos sotaques musicais brasileiros.

Comentários no Portal (0)



Comente pelo Facebook


Comente pelo Facebook


Comente pelo Facebook

Blogs

  • EM CARTAZ

    EmCartaz

    Guia cultural com a programação de Curitiba.

  • AGENDA

    Claudia Cozzella, programa Acontece Curitiba

    Claudia Cozzella mostra tudo que rola de bacana na cidade.

  • SOBREQUASETUDO

    Herivelto Oliveira é jornalista e apresentador da RICTV Record

    Blog do Herivelto Oliveira, apresentador da RICTV Record.

  • LIQUIDIFICADOR

    José Nascimento, diretor de conteúdo do Grupo RIC Paraná

    José Nascimento: jornalista, professor e diretor do Grupo RIC.

  • RETRATOS

    Fábio Guillen é repórter da RICTV Record

    Registros do cotidiano. De Fábio Guillen, repórter RICTV Record.

  • PARANGOLÉ

    RIC MAIS Nery de Mello, o Parangolé, é apresentador do Balanço Geral Oeste

    Blog do apresentador Balanço Geral Oeste com notícias da região.

  • > Veja mais blogs e parceiros