Curitiba

Corpo é sequestrado de dentro do caixão na hora do enterro; veja o vídeo

Motivo do "sequestro" do cadáver seria uma dívida de R$ 104, referente às roupas do falecido

Foto: Reprodução

O corpo de um homem foi sequestrado na hora do sepultamento em Gana, país do continente africano.

Dois homens chegaram no cemitério no momento em que o caixão estava prestes a ser colocado no jazigo, abriram a urna e retiraram o cadáver de dentro. 

Segundo informações publicadas na mídia, o motivo do "sequestro", seria uma dívida equivalente a R$ 104 referentes às roupas que o morto vestia no momento do enterro.

A família tentou argumentar, mas os homens levaram o corpo sem pena. O cadáver só foi devolvido e devidamente sepultado após o pagamento da dívida.

Leia também:

Queda de árvore arranca lápide em cemitério e deixa corpo exposto. Veja as fotos

Assista ao vídeo do sequestro do corpo abaixo:

Envie seu comentário

Comentários (0)

Visitas guiadas no Cemitério Municipal serão retomadas neste sábado

As visitas têm objeto de preservação e também desmistificação do espaço

No próximo sábado serão retomadas as aulas de história, arte, religião, tanatologia, arquitetura e paisagismo e geologia (Foto: Diulgação/Everson Bressan/SMCS)

No próximo sábado serão retomadas as aulas de história, arte, religião, tanatologia, arquitetura e paisagismo e geologia (Foto: Diulgação/Everson Bressan/SMCS)
No próximo sábado serão retomadas as aulas de história, arte, religião, tanatologia, arquitetura e paisagismo e geologia (Foto: Diulgação/Everson Bressan/SMCS)
No próximo sábado serão retomadas as aulas de história, arte, religião, tanatologia, arquitetura e paisagismo e geologia (Foto: Diulgação/Everson Bressan/SMCS)

As visitas guiadas ao Cemitério São Francisco de Paula, mais conhecido como Cemitério Municipal de Curitiba, no bairro São Francisco, serão retomadas neste sábado (18).

A visita é uma aula de história, arte, religião, tanatologia, arquitetura e paisagismo e geologia. A ideia surgiu da pesquisa da Relações Públicas Clarissa Grassi, que também é presidente da Associação Brasileira de Estudos Cemiteriais. “O Cemitério Municipal tem três séculos de histórias.  Fundado em 1º de dezembro de 1854, ele é o cemitério mais antigo e tradicional de Curitiba”, diz Clarissa.

O trabalho era feito de forma voluntária, mas a partir deste ano passou a integrar as atividades da diretoria de Patrimônio Cultural da Fundação Cultural de Curitiba (FCC) e é realizado em parceria com o Departamento de Serviços Especiais, da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

A pesquisa é feita há 14 anos e resultou na publicação de três livros, entre eles o Guia de Visitação ao Cemitério Municipal São Francisco de Paula, Arte e Memória no Espaço Urbano. A pesquisadora, que é mestre em Sociologia, diz que as visitas têm como objetivo o conhecimento, mas também a preservação e desmistificação.

A visita será das 9h às 12h. Como o número de participantes é limitado é preciso fazer agendamento pelo e-mail visitaguiada@smma.curitiba.pr.gov.br, informando o nome completo e número do documento de identidade.

Leia mais

Avião cai dentro de cemitério na região sul do Paraná

Cemitério de Curitiba sofre com a ação de vândalos

Envie seu comentário

Comentários (0)

Buraco interdita estrada de acesso a Morretes (PR)

A pista só deve ser liberada no fim da tarde de sexta-feira (17)

Devido ao grande número de chuvas, um antigo bueiro se abriu no meio da pista (Foto: Reprodução/EcoVia)

A PR-408, via secundária de acesso a Morretes, no Litoral do Paraná, está totalmente bloqueada para ao tráfego de veículos. A pista só deve ser liberada por volta das 18h desta sexta-feira (17).

Devido à grande quantidade de chuvas, um antigo bueiro se abriu no meio da via, na altura do km 3,3. O local está devidamente sinalizado, e equipes da Ecovia permanecem no local para garantir a segurança.

A pista está liberada apenas para o acesso de moradores. Os demais motoristas que quiserem seguir para Morretes devem utilizar a PR-804, entrada via Km 29 da BR-277.

Envie seu comentário

Comentários (0)