Curitiba

Acidentes matam cinco pessoas no final de semana na região Oeste

2-1.jpg

2-1.jpg
untitled-1.jpg
dsc_6418.jpg

Uma batida frontal entre um carro e um caminhão na BR-277, em Guaraniaçu, vitimou duas pessoas no domingo (29). De acordo com o condutor do caminhão, ele teria reduzido a velocidade no trevo de acesso a Guaraniaçu, mas o carro que vinha logo atrás não conseguiu parar e bateu em sua traseira.

Os dois ocupantes do carro – Valmir Bonifácio, de 42 anos, e Leodigar Francisco, de 52 – ficaram presos às ferragens e morreram no local. O condutor do caminhão não sofreu ferimentos.

Ainda no Oeste, outra pessoas morreu em uma colisão, na madrugada de domingo, na rodovia entre Missal e Medianeira. O motociclista Romildo Martins, de 22 anos, bateu contra um carro. O condutor do carro teve ferimentos leves, mas Romildo não resistiu aos ferimentos. Segundo o motorista do carro, o motociclista invadiu a pista contrária, o que ocasionou a batida.

Em Toledo, no mesmo dia, uma colisão frontal foi na Avenida Egydio Munareto vitimou pai e filha. Os dois carros envolvidos ficaram completamente destruídos e um deles pegou fogo. Além das duas mortes, uma criança de cinco anos foi internada em estado grave. Uma mulher também ficou ferida, mas não corre risco de morte.

Envie seu comentário

Comentários (0)

No primeiro dia do mutirão de ortopedia, 500 pacientes são atendidos

policlinica-zona-sul-atendimento-mutirao-ortopedia-500-pessoas-secom-andre-renato.jpg

No último sábado (28), foi realizado o mutirão de consultas em ortopedia de Maringá, que atendeu aproximadamente 500 pessoas.  Esse projeto visa diminuir a fila de espera nessa área, que atualmente é de cinco mil pacientes.

O atendimento será feito na Policlínica Zona Sul em todos os sábados (exceto nos feriados) até o dia 14 de dezembro.

De acordo com o secretário de Saúde, Antônio Carlos Nardi, têm prioridade os pacientes que aguardam a mais tempo, que estão com cadastros atualizados na rede e os que possuem os exames em dia.

Outras especialidades

Segundo Nardi, a secretaria de Saúde está negociando com médicos especialistas para promover mutirões em outras áreas, como dermatologia e oftalmologia.

Envie seu comentário

Comentários (0)

Londrina realiza simulação de emergências ambientais

No último final de semana, foi realizado o primeiro seminário P2R2 sobre emergências ambientais na cidade de Londrina. Os assuntos discutidos foram desde recuperar os danos causados ao meio ambiente até como agir em casos de destruição ambiental.

Durante o evento, uma simulação de vazamento de produto químico foi feito com o objetivo de mostrar que a segurança é mais importante que a rapidez. O uso de máscaras e roupas especiais, o isolamento e sinalização do local, além da ajuda especializada são algumas das atitudes para controlar as emergências ambientais.

A Secretaria Estadual do Meio Ambiente pretende desenvolver programas de orientação para os profissionais e para a população, mas, para isso, precisa de mais recursos investidos na área.

Envie seu comentário

Comentários (0)